Surto de Covid-19 provoca suspensão de aulas presenciais em Caldas Novas

Um surto de Covid-19 provocou a suspensão de aulas presenciais em escolas de Caldas Novas. Rede municipal ficará cinco dias sem funcionamento. Ao todo, sete unidades de ensino e transporte escolar com casos confirmados da doença e outros 10 unidades sendo investigadas.

Escolas ficarão fechadas por cinco dias. Na última sexta-feira (30), o Prefeito Kleber Marra havia adiado o retorno às aulas presenciais para 16 de agosto, já por conta da forma onda de casos. Porém, a Justiça revogou a decisão e ordenou o retorno imediato das aulas presenciais.

Surto de Covid-19 após retomada

Segundo a Prefeitura, os casos suspeitos teriam alastrado de um mesmo servidor, que teve contato com pessoas de diferentes unidades de ensino. “Mesmo adotando rígido protocolo de retorno as aulas (distanciamento social, uso de máscaras, Face Shield, álcool 70% e sanitização), os casos confirmados e suspeitos de Covid-19 aumentaram exponencialmente no âmbito da Secretaria de Educação Esporte e Lazer e nas Unidades Escolares”, reconhece a Prefeitura em nota.

Aulas presenciais: professores temem retorno

Mesmo com ordem da Justiça para retorno imediato das aulas presenciais em Caldas Novas, os professores da rede municipal decidiram não retomar os trabalho. Ao Mais Goiás, o presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Caldas Novas (Sindicaldas), Eurípedes Israel de Morais, confirmou que os professores estão receosos em retornar no atual momento devido ao cenário da Covid-19 na região. A categoria alega alega que as escolas não receberam as devidas adequações para receber professores e alunos.

“Os professores ainda não se sentem confortáveis em retornar às salas de aula. Eles estão com medo e querem tomar a segunda dose da vacina primeiro, e também pedem adequações nas salas de aula”, disse.

Casos de Covid-19

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde de Goiás, a cidade de Caldas Novas tem 10.690 casos de Covid-19 confirmados desde o início da pandemia, com um total de 251 óbitos. Atualmente, existem 871 casos suspeitos.

Já no que diz respeito à vacinação, o município possui 44,8% da população imunizada com a primeira dose. Apenas 17,5% das pessoas já receberam as duas doses da vacina até o momento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s