Deputado Humberto Teófilo se recusa a tomar vacina disponível, tem seu CPF bloqueado e vai para o fim da fila

Nesta sexta-feira, 30, o deputado estadual Humberto Teófilo (PSL) foi colocado no final da fila da vacinação, após se recusar a tomar o imunizante disponível no Ciams Novo Horizonte, local onde ele agendou para ser vacinado e ainda teve o seu CPF bloqueado no Sistema Municipal de Saúde de Goiânia. Ele afirma que vai recorrer ao Poder Judiciário e diz que “o decreto do prefeito é ilegal”.

Apoiadores do parlamentar estão divididos quanto a atitude do deputado. “Apoiado, deputado! O cidadão brasileiro tem que ter os seus direitos de liberdade respeitado”, disse um.

“Deputado, respeito o seu posicionamento por o senhor é um dos políticos que me representa, entretanto, o mundo inteiro querendo vacinar e o senhor querendo escolher vacina? Neste caso, discordo do seu posicionamento”, escreveu outro.

Eficácia comprovada

Todas as vacinas aprovadas para aplicação no Brasil pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) passaram por rigorosos testes para comprovar sua eficácia e seu perfil de segurança. Porém, os ensaios clínicos de fase 1, 2 e 3 realizados até o momento focaram seus testes em descobrir se o imunizante pode impedir o agravamento da doença, mas não sua transmissão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s