Buscas chegam ao fim após 20 dias: investigações focam em rede de apoio a Lázaro Barbosa

A caçada a Lázaro Barbosa de Sousa, que já durava 20 dias, terminou na manhã de ontem (28) com a morte dele durante uma abordagem policial em uma mata próxima a residência de sua ex-mulher, no Setor Mansões Itamaracá, em Águas Lindas de Goiás. Lázaro morreu com 38 marcas de tiro no corpo após, segundo as forças policiais, ter reagido à aproximação dos agentes. Entretanto, o titular da Secretaria de Segurança Pública de Goiás (SSP-GO), Rodney Miranda, disse que as investigações continuam para descobrir a extensão do que ele chama de rede de apoio ao fugitivo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s